The Regional Government decided to anticipate the mandatory use of the individual protection mask in all public spaces, even those outdoors, for the month of August.

The mandatory use of a community protection mask applies “in spaces or places of access, permanence or use, public or equivalent”, explained yesterday the regional secretary of Health, Pedro Ramos, stressing that “all types of public space are included” , closed or open “.

The measure comes into force this Saturday, August 1, and its non-compliance can lead to fines of up to 30 euros, said Pedro Calado.

Pedro Calado was also confronted with the indignation expressed through a petition against the mandatory use of the mask on the street. “Nobody likes to walk in the street with a mask, I don’t like it either… especially on an island like ours, with a lot of heat, humidity and good weather, especially now in the summer, but I think it is more uncomfortable to die with a virus ”, defends, thus devaluing the petition that this morning already has more than 3,000 signatures.


O Governo Regional decidiu antecipar o uso obrigatório da máscara de proteção individual em todos os espaços públicos, mesmo aqueles ao ar livre, para o mês de agosto.

O uso obrigatório de máscara comunitária de proteção aplica-se “em espaços ou locais de acesso, permanência ou utilização, públicos ou equiparados”, explicou ontem o secretário regional da Saúde, Pedro Ramos, sublinhando que está incluído “todo o tipo de espaço público, fechado ou aberto”.

A medida entra em vigor este sábado, 1 de agosto, sendo que o seu incumprimento pode levar à aplicação de coimas até aos 30 euros, disse Pedro Calado.

Pedro Calado foi ainda confrontado com a indignação manifestada através de uma petição contra a obrigatoriedade do uso da máscara na rua. “Ninguém gosta de andar na rua com uma máscara, eu também não gosto […] sobretudo numa ilha como a nossa, com muito calor, com humidade e com bom tempo, sobretudo agora no verão, mas penso que mais incómodo é morrer com um vírus”, defende, desvalorizando assim a petição que esta manhã conta já com mais de 3.000 assinaturas.