After the Madeira wine, “poncha” is the most popular drink on the Island.

This regional drink is made with rum obtained by fermentation and distillation of sugarcane juice produced in the Autonomous Region of Madeira.

During a visit to Madeira, you can try this drink. You can surely find it in bars and restaurants scattered all over the Island. However, there are emblematic places, such as Serra D’Água, Câmara de Lobos, Poiso, Ribeiro Frio or  in the old town of Funchal.

Depois do Vinho Madeira, a poncha da Madeira é a bebida mais popular da Ilha.

Esta bebida regional é feita com rum, produzido na Região Autónoma da Madeira, por fermentação e destilação do sumo de cana-de-açúcar.

Durante uma visita à Madeira, podem provar esta bebida. Irão certamente encontrá-la em bares e restaurantes dispersos por toda a Ilha. No entanto, existem locais mais emblemáticos, como por exemplo, a Serra D’Água, Câmara de Lobos, o Poiso, o Ribeiro Frio ou na zona velha do Funchal.

Here are some curiosities about Madeira’s “poncha”:

Conheçam algumas curiosidades da “poncha” da Madeira:

1. The traditional “poncha” has rum (also known as sugarcane brandy), lemon juice and honey. Nowadays, there are many “poncha” variants of the original that use fruit juices such as the passion fruit, tangerine or orange.

1. A Poncha tradicional é feita com rum (também conhecido como aguardente de cana), sumo de limão e mel de abelha. Atualmente existem muitas variantes, como por exemplo, a poncha feita com sumo de maracujá, tangerina ou laranja.


2. Some say that the origin of “poncha” goes back to the XVI century, because the discoverers transported lemon (vitamin C) in their trips, to prevent scurvy. To preserve the lemon, during the long trips, they carried it soaked in sugar cane brandy and blackstrap molasses produced in Madeira.

2. Diz-se que a origem da poncha remete ao séc. XVI, pois os descobridores transportavam limão (vitamina C) nas suas viagens, para prevenir o escorbuto. A fim de conservar o limão, durante as longas viagens, transportavam-no em aguardente e melaço de cana produzido na Madeira.

3. The fisherman’s “poncha” is another variation of the traditional “poncha”.In this case, honey is replaced by some sugar.

3. A Poncha à pescador faz-se de forma semelhante à poncha tradicional, mas em vez de usar o mel de abelha, usa-se açúcar.


4. The “mexelote”, “mexilhote” or “pau da poncha” is the wooden tool used to stir the drink.

4. O mexelote, mexilhote ou pau da poncha é o instrumento de madeira usado para misturar a bebida.


5. In Madeira, rum production is a tradition more than 500 years old.

5. A produção de rum é uma tradição com mais de 500 anos na Madeira.

6. Madeira was once known as the “sugarcane brandy island” a name that was given by a legislative diploma * due to its high consumption!

6. A Madeira já chegou a ser conhecida pela “Ilha da aguardente”, nome que foi dado por um diploma legislativo* devido ao seu elevado consumo!


7. On the west coast of Madeira lays the Society of “Engenhos da Calheta” that produces the traditional rum. Here you can learn about the history of sugarcane production on the Island. In the tasting room and in the “Adega Bar” you can taste molasses cookies, blackstrap molasses, the traditional blackstrap molasses cake and, of course, “poncha”.

7. Na costa Oeste da Madeira situa-se a Sociedade dos Engenhos da Calheta que produz a tradicional aguardente de cana. Aqui pode conhecer a história da produção de cana-de-açúcar na Ilha. Na sala de provas e no “Bar da Adega” pode provar as broas de mel, o mel de cana, o bolo de mel e claro, a poncha.

8. In Porto da Cruz you can visit the “Companhia dos Engenhos do Norte” and travel back to 1927. Here, the rum production is still made according to the original processes, with industrial age machinery. From March to May, it is possible to take a guided tour to observe the machines in production and taste the “Branca” rum the most popular one.

8. No Porto da Cruz pode visitar a Companhia dos Engenhos do Norte, e recuar a 1927. Aqui, a produção da aguardente faz-se de acordo com os processos originais, com maquinaria da época industrial. De março até maio, é possível fazer uma visita guiada a este local, para observar as máquinas em produção e degustar a Aguardente “Branca”, a mais popular.


9. “Poncha” pairings usually are peanuts, lupins or “dentinhos” (small tapas made of fava beans, lupins, tuna with onions, skipjack or pork cubes marinated in wine and garlic).

9. A acompanhar a poncha costumam comer-se amendoins, tremoços ou “dentinhos” (favas, moelas, atum de escabeche, gaiado ou carne de vinho e alhos).


10. “Bebe uma poncha que isso passa!” Is a popular Madeiran expression that conveys the idea that this drink cures all the evils, namely colds and flu…

10. “Bebe uma Poncha que isso passa !!” é uma expressão madeirense usada popularmente. Transmite a ideia que esta bebida cura todos os males, nomeadamente gripes e constipações…

Come discover Madeira and its traditions! Come and taste our “poncha”. Delicious… but, Be responsible and drink in moderation.

Venham descobrir a Madeira e as suas tradições! Venham provar a nossa poncha, deliciosa…mas, Seja responsável e beba com moderação.