The mandatory quarantine for passengers arriving in the Region has been reduced to one week and tests began, this Friday, to be carried out in hotels.

The news was advanced to RTP-Madeira by the regional secretary of Health, Pedro Ramos.

According to the same source, all passengers take the test in hotels and after a week if the result is negative, they leave confinement in the hotel units, but continue to be accompanied by health authorities. On the 14th day, they are again subjected to tests.
This was the way found by the Regional Government to circumvent requests for “habeas corpus”.
Today, at 6 pm, at the press conference for the presentation of the epidemiological bulletin, this will be one of the topics to be addressed.


A quarentena obrigatória para os passageiros que chegam à Região foi reduzida para uma semana e os testes começaram, esta sexta-feira, a ser feitos nos hotéis.

A notícia foi avançada à RTP-Madeira pelo secretário regional da Saúde, Pedro Ramos.

Segundo a mesma fonte, todos os passageiros fazem o teste nos hotéis e ao fim de uma semana se o resultado for negativo saem do confinamento nas unidades hoteleiras, mas continuam a ser acompanhados pelas autoridades de saúde. Ao 14.º dia são novamente submetidos aos testes.
Esta terá sido a forma encontrada pelo Governo Regional para contornar os pedidos de “habeas corpus”.
Hoje, às 18h00, na conferência de imprensa para apresentação do boletim epidemiológico, este será um dos temas a abordar.